Na Boca do Túnel

GIRO DO BRASILEIRÃO 2018

Empate deixa São Paulo em terceiro, pênalti escandaloso deixa o Internacional como vice-líder e o Palmeiras tomou as rédeas na liderança. Agora segura o Felipão e Felipe Mello

Botafogo fica duas vezes na frente do placar, mas cede empate ao São Paulo; equipes fizeram uma partida movimentada no Nilton Santos

Pela exibição no primeiro tempo, o Botafogo merecia a vitória sobre o São Paulo. No entanto, a vertiginosa queda de produção nos 45 minutos finais fez do empate de 2 a 2 um justo resultado na tarde deste domingo, Nilton Santos, com a redenção de Saulo, com duas defesas milagrosas nos acréscimos. Com 33 pontos, o Glorioso se mantém em 12º lugar, enquanto o Tricolor paulista cai para o terceiro lugar, com 52.

Embalado pela sequência de duas vitórias na competição, o Botafogo encarou o São Paulo, um dos concorrentes ao título, com coragem, de igual para igual. Da cobrança de escanteio de Luiz Fernando teve origem o gol de Jean, com apenas quatro minutos de jogo.

 

Na estreia de Dorival, Flamengo não sai do zero contra o Bahia na Fonte Nova; Rubro-negro perdeu a oportunidade de dormir na liderança

Dorival Júnior terá trabalho para tirar o ‘ranço’ da apatia que tanto incomoda o torcedor do Flamengo. O empate de 0 a 0 com o Bahia, na Arena Fonte Nova, não foi um bom negócio, que deixa o G-4. Com 49 pontos, o Rubro-Negro caiu para o quinto lugar. Na sexta, a equipe, pressionada, enfrenta o Corinthians, em São Paulo.

Com a entrada de Vitinho e Lincoln no lugar de Diego, machucado, e Henrique Dourado, suspenso, Dorival apostou na juventude e velocidade da dupla em busca da vitória em Salvador. Não foi suficiente. Sem agilidade na transição e capricho no passe, o Flamengo minou à própria construção de jogadas.

 

Inter pede profissionalização da arbitragem e lembra outros erros

O Internacional foi beneficiado pela arbitragem neste domingo (30). Bateu o Vitória de virada por 2 a 1 graças a um pênalti irregular no fim do jogo. E depois da partida, o vice de futebol Roberto Melo e o técnico Odair Hellmann l lembraram falhas e falaram sobre profissionalização e o uso do árbitro de vídeo.

No lance, Camilo cobrou uma falta lateral para área. A bola bateu no braço de um jogadores do Vitória que estava na barreira. Ele estava fora da área, mas o árbitro assinalou pênalti. Na cobrança, D’Alessandro fez 2 a 1

 

Aguirre tira peso de clássico com Palmeiras: “todos os jogos são decisões”

Mais uma decisão. É assim que Diego Aguirre, técnico do São Paulo, encara o clássico do próximo sábado contra o Palmeiras, no Morumbi.

O time alviverde venceu o Cruzeiro e assumiu a ponta do Campeonato Brasileiro, com 53 pontos, contra 52 da equipe tricolor, que empatou por 2 a 2 com o Botafogo.

O técnico concluiu a entrevista prevendo que a briga pelo título ficará aberta até o final do Brasileiro. Neste momento, a diferença entre o líder Palmeiras e o quinto colocado Flamengo é de quatro pontos.

“Acho que vai ser até a última rodada. Estamos com muitos times fortes brigando e sinto que não vai ter diferença de muitos pontos”.

 

Aconteceu em Corumbá e a coluna Na Boca do Túnel registrou sobre uma fracassada gestão que esta sendo investigada pelo Ministério Público, mas até a presente data, parece que o processo emperrou

 

 O gestor de esportes e seu balaio de gatos…

Primeiro vamos à linha de raciocínio o que significa “Balaio de Gatos” para entender o que acontece na pasta administrada pelo arrogante e centralizador Gestor de Esportes:

1 – “Balaio de Gatos” é uma expressão popular que significa confusão, encrenca, situação difícil, embaraço ou desordem.

2 – “Balaio de Gatos” é uma expressão usada para definir um local bagunçado, onde predomina uma verdadeira desordem. Na frase, “O local é um balaio de gato”, significa que o local é repleto de bagunça e de desordem.

3 – “Balaio de Gatos” é também um local onde existem encrencas e confusões. É um local onde ninguém se entende, onde as encrencas são constantes.

 

Façamos a dissertação da Pasta do Gestor de Esportes, de acordo com a numeração acima:

1 – Quando há em um setor da administração pública que centraliza tudo, propicia que ocorra atitudes tênues, assim vem agindo o titular da pasta, que, creio que nem ele acredita em reverter o atual quadro, pois quem de fato manda? O Gestor de Esportes não consegue estabelecer um organograma de trabalho em que “alguns gerentes” sejam mais eficientes, muito pelo contrário, tem gerente que nada faz, senta em uma sala confortável, com ar e computador e vira gerente da NASA, pois só vive navegando na Internet, tem gerente que não sabe o que quer, não desenvolve a sua função na pasta, ingressa em Conselho e ainda vai ser candidato, existem funcionários competentes, a qual respeito, mas existe também “funcionário” que manda mais que o Gestor de Esportes, não sei por que, mas o Floquinho é o protegido dele, não sei porquê.

 

2 – A Pasta esta tão bagunçada, que predomina a bagunça institucionalizada, nada chega a ser inovador como foi propalado, muito pelo contrário, assumiu com as premissas de revolucionar o desporto da cidade, mas esta tendo um revés, em todos os seguimentos as reclamações são constantes, desde coordenadores de competições até Pais, pois a irresponsabilidade é tanta que o Gestor de Esportes meteu uma delegação em uma Van com os Pneus “carecas”, o pior! A delegação era de uma modalidade em que os atletas são de base, não tinha nenhum Gerente nessa área para verificar esse absurdo? Não sei de que era o Veiculo, mas o erro foi exclusivamente do Gestor de Esportes ou do Floquinho, o Protegido que “esqueceu” de contratar com antecedência o veiculo para o transporte da delegação, moral da história, Pais revoltados que até conseguiram algumas fotos do estado deplorável da Van.

 

3 – Por fim, “Balaio de Gatos” é também um local onde existe encrencas e confusões. É um local onde ninguém se entende, onde as encrencas são constantes. Isso esta bem patente, acionei o “GPS” e tive essa informação, o que o Gestor de Esportes esta preocupado é colocar “câmeras” em todo lugar, quem entra, quem sai, para depois ir perguntar o que queria, o que conversou, coisa chata para os funcionários, pois são constantemente vigiados, enquanto isso as tênues atitudes dele ninguém sabe. Bom pelo menos esta prestando um serviço para os moradores da quadra aonde esta sediada a Pasta, as “potentes” câmeras ficam ligadas direto, faço crer que somente o Floquinho tenha acesso à central. E esse fato dá até um samba de enredo: De Piscineiro à Floquinho, voa alto o menino de ouro do Gestor Mesquinho.

 

Além do horizonte…

Seria uma musica do Roberto Carlos, mas neste caso, além do telhado pintado, que esqueceram de dar uma enganada no remendo não pintado, observei umas fotos tirada pelo “GPS”, a quadra esta com a pintura comprometida, isso significa que a “tinta” utilizada é de péssima qualidade, isso é para ficar quieto? é um absurdo, talvez por isso é que não é muito utilizado, ficou ali para ser modelo de gasto do dinheiro público, sem fins específicos. Tem uns três Aspones agregados para cuidar, mas na verdade, estão para “fofocar” para o Gestor de Esportes o que falaram dele, ora,ora,ora… Se assumiu o cargo para dar visibilidade em angariar recursos, isso eu não vi acontecer até agora, tanto que onerou tanto a reforma do complexo esportivo que na pista de atletismo tem dois postes que se riscar as raias, quem correr na última raia de dentro para fora, vai bater com a cara no poste, será que não tem ninguém para orientar e evitar a colocação desses dois postes na pista de atletismo? Agora, o Gestor de Esportes deve colocar mais um convenio nas costas da Liga de Esportes para corrigir o erro.

 

Quero entender…

Mas não consigo uma explicação plausível o porquê a pasta do Gestor de Esportes efetuou dois depósitos para a FFMS inerente ao futebol profissional, já busquei explicação, mas, sinceramente não encontrei algo justificável, assim como quem bancou o futebol profissional? De onde saiu o dinheiro para três atletas ostentar notas de cem reais? Coisas estranhas ao meu ver, mas tem tudo haver com o Gestor de Esportes.

 

A solução…

Seria a efetivação do Sandro no comando da pasta, tem uma experiência administrativa mas objetiva, pois tem uma larga experiência em projetos eficazes, humildade para aconselhar-se com pessoas mais experientes para dirimir as duvidas existentes na pasta, que coloquem o Gestor de Esportes na qualidade de “aqui jaz um Ex-Gestor de Esportes” em um cabide longe da Pasta, pois caso contrário continuaria sendo um estorvo para o Desporto de Corumbá, capricho em manter o Gestor de Esportes no cargo, vai fazer vazar água no batelão. Portanto, a solução mais viável e é bom que fique claro para os fofoqueiros de plantão, que o Sandro não pediu e nem conversou comigo a respeito do assunto, apenas é a minha observação, pelo que o GPS me passa.

 

A verdade quando dita…

Com propriedade, incomoda muito, sei que existe pessoas incomodadas com as minhas postagens no face, porém estou pautado de documentos, justificando o porque estou escrevendo, nada contra pessoas, mas contra o sistema, tanto que o que mandaram de solicitações de amizade no meu face, parece coisa de Papai Noel, mas esse cara quer ser meu amigo no face? Assim como os com nomes e fotos falsas, tudo por acharem que são espertos e querer descobrir quem passa as informações para mim, sei que tem uma verdadeira operação que nomino “gaiolas da loucas” para descobrir alguma coisa, não vão descobrir, disso tem certeza absoluta, ao contrario, esta chegando mais informações, as quais serão publicadas no meu blog que vai entrar no dentre breve com uma matéria bombástica, para variar, escrevo e repito, não saio da minha casa para ir em busca de informações, elas caem no meu colo, porém filtro para poder fazer a dissertação da matéria, essas bombas do Gestor de Esportes chegou para mim via sedex, o emissor queria ter certeza que chegaria no endereço de forma rápida e assim foi, daqui a pouco vem mais e mais, pois muitas pessoas estão lendo as minhas postagens, algumas curtem, outras para não ter problemas com a degola, só lê e comentam pela cidade, isso é muito bom, não perdi o foco e nem a minha linha de escrever, tenho atitude e levo a sério quando sou provocado, e reza a lenda, quem mexe em vespeiro…

Reginaldo Coutinho – Delegado sindical dos radialistas de Corumbá, cronista esportivo, locutor apresentador do programa Transnotícias na rádio Transamérica

Autor:
Da Redação

24°C

Corumbá

Mostly Cloudy

Humidity 89%

Wind 6.44 km/h

  • 05 Oct 201831°C22°C
  • 06 Oct 201832°C22°C