Analisando…

Transição

Tem início nesta semana a transição no Governo Federal. Liderado pelo Deputado Onyx Lorenzoni, o futuro governo ainda patina nas ideias centrais do governo e no protagonismo de suas lideranças. A questão da fusão de ministérios parece que não será como foi prometida, pois já há reações de bancadas no congresso. Também esta havendo choque de informações entre os ministeriáveis Lorenzoni, Paulo Guedes, General Heleno e o Vice Mourão. Pelo visto ainda precisam se acertar internamente pra depois discutir com o conjunto da sociedade.

Mais do Mesmo

O Presidente Jair Bolsonaro se elegeu prometendo praticas diferentes do seu arque rival PT, porém parece que não vai mudar muito. Esta fundindo os ministérios do Desenvolvimento Social e de Direitos Humanos para acomodar seu aliado derrotado nas eleições de outubro, pastor Magno Malta. Aquele que traiu a mulher com sua colega de bancada e largou a “família” pra morar com a amante. Esse detalhe nem deveríamos citar pois se trata da vida pessoal dele, porém, como ferrenho defensor da família e dos bons costumes se faz necessário esse esclarecimento.

Educação e Saúde

Até agora nem sinal dos possíveis nomes para duas das mais importantes pastas do governo. Pelo visto pessoas técnicas da área estão fugindo do desafio. Acho que o jabuti subiu na árvore!

Infraestrutura

Nas obras públicas o preferido do presidente é o General de Exército da reserva Oswaldo Ferreira. A principal idéia e transferir para o exército as obras públicas. Do ponto de vista da moralidade acredito que todos apoiam, mas do ponto de vista dos serviços, perguntem aos moradores e comerciantes da Avenida Bandeirantes em CG. O exercito levou mais de seis meses pra fazer duas quadras e ainda por cima na primeira chuva foi aquele lameiro preto. Falta experiência e qualificação. Vamos observar.

Sergio Moro

O convite aceito pelo “Super-herói nacional” Juiz Sergio Moro para comandar a pasta da Justiça no Governo Bolsonaro vai muito além do combate à corrupção. E também vai além de sua indicação ao STF em 2020. O paladino da justiça acertou com o capitão a sua indicação como seu sucessor na corrida presidencial. A vaidade do Magistrado não o permite ficar muito tempo sob a batuta de meros mortais, tanto que disse que só aceitaria o convite se fosse linha direta com o Presidente, sem passar pela Casa Civil como todos os outros ministros. O Humilde Juiz de Curitiba assim vai fechando o cerco do mais bem bolado plano de escalada ao poder já visto nas terras tupiniquins.

 

 

Azambuja no Pantanal

O Governador Reinaldo Azambuja esteve nesta segunda em Corumbá. Além do já tradicional agradecimento pelos votos pela enésima vez, também fez um resumo da campanha e do seu governo. Entretanto como todos esperavam alguma novidade, não trouxe nada no saco, ao contrário, apenas levou peixes que pescou aqui na região desde a última quinta-feira. Para aqueles que esperam uma boquinha no futuro governo, vale roer mais um pouco de unha e segurar a ansiedade.

Reforma

Conforme anunciado nesta coluna, o Prefeito Marcelo Iunes inicia um ciclo de reformas e ajustes em sua administração, visando o inicio da segunda metade de seu mandato. Para isso esta fazendo a readequação da máquina exonerando servidores ocupantes de cargo em comissão. Também teve mudanças no segundo escalão com a saída do ex-prefeito de Ladário Jose Antônio Assad e Faria da Direção da Agência Municipal Portuária.

Autor:
Da Redação

24°C

Corumbá

Mostly Cloudy

Humidity 89%

Wind 6.44 km/h

  • 05 Oct 201831°C22°C
  • 06 Oct 201832°C22°C