Analisando…

Derrota

O governo Bolsonaro sofreu uma de suas maiores derrotas desde o inicio do governo. A câmara aprovou a MP da reforma administrativa. Porém, rejeitou alguns destaques, entre elas a que transferia para o Ministério da Justiça o controle do COAF. Mas afinal por que Sérgio Moro queria tanto o controle do COAF? Porque não teve o mesmo empenho no controle da FUNAI? O que faz mesmo o COAF? Estas eram informações importantes que não foram esclarecidas a população, só o velho papo já chato de que se não votar a favor é contra a Lava Jato!

COAF

O órgão de acompanhamento da movimentação financeira dos brasileiros é um órgão de assessoramento da receita federal, ligado ao ministério da economia. Ele continuará lá desempenhando suas funções, inclusive com acesso pela PF. Acontece que para solicitar informações para suas investigações a PF precisa fundamentar seus procedimentos e fazer solicitação ao COAF, justificando a necessidade da quebra de sigilos, as vezes necessitando até de ordem judicial, o que é natural e razoável em todas as democracias do mundo, inclusive nos EUA. Aonde o COAF não precisa de solicitação é nas ditaduras. Acho que o super-herói Sérgio Moro mais uma vez errou na mão. Queria muito poder pra que? Seria para vigiar a vida dos adversários políticos? Ele já tem muitos instrumentos para combater a corrupção, precisa parar de atropelar a constituição pra conseguir realizar as suas vontades. Sergio Moro pode ter muitas virtudes, mas ele não é Deus. Ele é humano e falível, por isso precisa de limites como todos os brasileiros.

Partidos

O presidente e seus asseclas fazem um escândalo por causa do COAF, mas ficam em silêncio sobre o decreto de perdão das dívidas dos partidos políticos que somam 70 milhões de reais. Será que essa é a nova politica? Também lançou mão do decreto que permitiu aos brasileiros a compra de armas tipo fuzil pra andar livremente pelas ruas. A idiotice foi tanta que teve que recuar e revisar o decreto.

Transporte Intermunicipal

O deputado estadual Evander Vendramini esteve presente na reunião que selou que uma nova legislação permitirá que outras empresas possam explorar o transporte intermunicipal na região. Principalmente no trecho entre Corumbá e Ladário. Já não era sem tempo esta atitude do governo. O prefeito de Ladário, Pastor Iranil comemorou a decisão e espera que o transporte melhore sensivelmente lá pelas bandas da Pérola do Pantanal.  Mais uma conquista importante do deputado Evander.

Votação

Queremos aqui cumprimentar e parabenizar a deputada federal Bia Cavassa (PSDB-MS). Um deputado federal não pode ser conduzido por oba oba de rede social ou por clamores de pessoas próximas. Deve estudar os temas, procurar analise técnica e jurídica para tomar suas decisões. E votou com conhecimento ao decidir pelo retorno do COAF a economia. Alguns radicais de direita e oportunistas políticos tentam desgastá-la pela decisão corajosa, pois afinal votou contra os interesses do “herói nacional” Sérgio Moro. A deputada não esta lá pra agradar super-herói, está lá para legislar e fiscalizar o governo, seus principais papéis segundo a constituição. E neste quesito Bia Cavassa foi muito bem. A deputada tem demostrado independência e trabalho e assim vai fortalecendo seu mandato. Merece os aplausos da semana!!!

Delcídio

A semana termina com a declaração do ex-senador Delcídio do Amaral que está voltando para a vida pública. Ele afirma que foi inocentado pela justiça e que está apto a disputa de mandato. Deixou claro que será protagonista nas eleições em Corumbá.  Nas esclareceu se vai apoiar algum candidato ou será candidato mesmo, mas disse que estará de cabeça na disputa. Ele apenas confirmou os boatos que já circulavam na cidade e nas redes. Assim, caso confirme, ele se tornará o terceiro pré candidato até momento. Além dele também estarão na disputa Elano de Almeida do PSL e o atual prefeito Marcelo Iunes do PSDB.

24°C

Corumbá

Mostly Cloudy

Humidity 89%

Wind 6.44 km/h

  • 05 Oct 201831°C22°C
  • 06 Oct 201832°C22°C