PMA autua 4, apreende 25 kg de pescado e aplica R$ 21,3 mil em multas durante operação Corpus Christi

A Polícia Militar Ambiental colocou 310 homens na fiscalização durante a operação Corpus Christi, iniciada no dia 19 e concluída às 8h de ontem (24). A operação objetivou colocar o efetivo nos rios, em barreiras nas estradas, fiscalização em propriedades rurais, em locais de belezas naturais de prática de turismo cênico e de recreio e outras variáveis de interesse ambiental, para prevenir e combater infrações e crimes que pudessem degradar esses recursos naturais.

As 25 subunidades da PMA intensificaram a fiscalização em suas respectivas áreas, colocando, inclusive, o efetivo administrativo a campo. Foi uma operação tranquila, como a operação do ano passado (2018). Aliás, quando se analisam os dados desde 2009, nunca houve grande quantidade de autuados nas operações Corpus Christi.

NÚMEROS

Foram 4 (quatro) autuados por infrações ambientais e 5 (cinco) autuações na operação passada. Das quatro autuações, três foram por crimes contra a flora, sendo uma por desmatamento e duas por exploração ilegal de madeira.

Com relação à prevenção e repressão à pesca, apesar de diversas abordagens de pescadores embarcados e desembarcados em rios de todas as regiões do Estado, somente um foi autuado por pesca irregular, quando pescava sem licença. No ano passado (2018), três foram autuados por pesca ilegal por falta de licença, o que não é crime, uma autuação por desmatamento e uma por transporte ilegal de combustível.

Foram apreendidos 25 kg de pescado e 15 kg pescado durante a última operação. Destaca-se que cerca de 20 kg apreendidos de pescado, de fato, foram soltos por estarem vivos em petrechos ilegais e, somente 5 kg estavam mortos.

O número de petrechos proibidos apreendidos foi dentro do que se apreendeu na maioria das operações Corpus Christi anteriores. Nesta operação foram apreendidos um barco e um motor de popa e, em 2018, três barcos e três motores de popa. A PMA verificou pouca quantidade de pescadores nos rios do Estado, especialmente na região Sul, provavelmente devido ao clima um pouco mais frio ocorrido no feriado prolongado.

Os valores em multas foram um pouco inferiores à operação anterior. Foram R$ 21.300,00 e R$ 29.500,00 da operação passada.

DRONES – O uso de drones no monitoramento das áreas de rios onde estavam os cardumes demonstrou-se extremamente eficiente na fiscalização durante a operação, tendo em vista que essa tecnologia tem sido fundamental na prevenção e até na repressão à pesca predatória e a outros crimes no Estado. O uso desses aparelhos é importante, em virtude de que muitos pescadores que praticam pesca predatória possuem uma rede de informantes, para avisarem via telefone e, às vezes, até com fogos, quando os Policiais saem para a fiscalização nos rios, o que torna difícil a prisão dos infratores.

O uso das imagens dos drones, em alguns casos, permitirá a identificação dos elementos, mesmo que fujam, por características físicas pessoais e das embarcações utilizadas. Dessa forma, serão identificados e responderão por crime ambiental de pesca predatória. A pena para este crime é de um a três anos de detenção. Serão também multados administrativamente em valor de R$ 700,00 a R$ 100.000,00.

Números totais “Operação Corpus Christi” – 2009 a 2018

APREENSÕES/ Autos

2009

2010

2011

2012

2013

2014

2015

2017

2018

2019

Auto de Infração

18

19

12

11

18

8

13

12

5

4

Pescado apreendido (kg)

96

200

50

8

48

5

27

22

15

25

Motores de Popa

08

04

02

2

3

1

2

2

3

1

Barcos

06

02

02

2

3

1

2

2

3

1

Tanques de combustível

03

2

3

1

2

2

3

1

Molinetes

02

02

02

3

4

2

7

2

4

2

Carretilhas

6

1

2

2

2

1

desmatamento

2

1(27ha)

1 (13ha)

Madeira (Palanques de aroeira)

35

45

28

0

0

0

Madeira Aroeira (lascas)

838

567

0

0

0

Madeira (toras de aroeira)

2

0

0

0

Corte de árvores

43

0

0

0

1 ocorr.

Madeira serrada (m³)

05

67

10

3,2

46,6

2,8

0

0

11,2

Madeira em Toras (angico/outros)

4

8

0

0

0

4 m³

Madeira em Lascas (angico/outros)

2836

0

11m³

0

4m³

Carvão (m³)

55

237

91

0

0

0

0

Carvoarias (fechadas)

3

0

0

0

0

Lenha (m³)

40

103

331

1

18

0

0

2

Incêndio

1 (25ha)

0

0

0

0

Caça

2

2

1

0

0

Animal Silvestre abatido

2

2

1

0

0

Maus-tratos a animais

1

0

0

0

0

AVES

8

0

0

0

0

Motosserra

04

04

1

0

0

0

0

Combustível (L)

100

0

Armas

07

1

0

2

0

0

Munições

26

143

7

0

0

Cigarros (pacotes)

1800

0

0

0

0

Maconha (kg)

8

11

0

0

0

Veículos

03

02

5

3

3

1

5

4

1

0

Pessoas Presas em Flagrante

04

10

5

2

8

2

4

4

1

2

Valores de Multas (R$)

36.280

184.240

32.730

44640

859.700

42.350

15.060

29.500

21.300

Petrechos Proibidos

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Redes de Pesca

59

53

22

6

9

6

4

11

7

11

Tarrafas

05

05

3

2

1

1

1

1

4

Anzóis de Galho

344

187

143

92

247

187

124

187

134

193

Boias (João Bobo)

30

13

3

0

0

3

0

Espinhéis

16

03

02

2

11

1

1

1

2

3

24°C

Corumbá

Mostly Cloudy

Humidity 89%

Wind 6.44 km/h

  • 05 Oct 201831°C22°C
  • 06 Oct 201832°C22°C