Noventa e oito festeiros de São João receberam na noite desta quarta-feira, 19 de junho, o certificado de Agente Municipal de Cultura. O título é um reconhecimento do Executivo pelos festejos realizados pela família cadastrada e também possibilita apoio cultural aos festeiros para incremento dos andores que, durante o ponto alto das festividades, são levados para o rio Paraguai onde a imagem de São João é banhada. O Arraial do Banho de São João 2024 – “A Fé do Nosso Povo é Patrimônio do Brasil”  será realizado entre os dias 21 e 23 de junho no Porto Geral de Corumbá.

Ao entregar a certificação, o prefeito Marcelo Iunes destacou a importância dos festeiros para o reconhecimento do Arraial do Banho de São João como Patrimônio Cultural Imaterial do Brasil pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN). “É o terceiro ano consecutivo do São João como patrimônio imaterial da cultura brasileira. Cada um de vocês aqui foi muito importante para essa conquista de Corumbá e hoje o nosso o nosso município tem o nome reconhecido pela cultura brasileira”, disse o chefe do Executivo Municipal. A secretária Municipal de Assistência Social e Cidadania, Amanda Balancieri Iunes, participou do evento.

Secretária de Assistência Social e Cidadania participou do evento

Iunes ressaltou que a certificação reconhece individualmente cada festeiro como agente de preservação da Cultura do Município de Corumbá. A iniciativa, explicou o prefeito, também possibilita, ao Poder Público Municipal, implementar ações em benefício da cultura corumbaense. “Digo, com certeza, que vamos trabalhar bastante para que o nosso São João continue sendo essa grande festa de nossa cultura. Hoje, somos o quinto maior São João do Brasil e o primeiro do Centro-Oeste brasileiro”, completou o prefeito de Corumbá.

Diretor-presidente da Fundação da Cultura e do Patrimônio Histórico de Corumbá, Joilson Cruz, reforçou a importância do investimento do Poder Público na realização da festa. Como gestores, nosso papel é investir. A festa de São João é investimento, assim como o carnaval”, disse.

O Banho de São João, que teve o reconhecimento de Patrimônio Cultural Imaterial do Brasil conquistado em 2021, é um evento importante para a economia corumbaense que permite gerar emprego e renda para muitas famílias. Ao longo dos três dias de festa, possibilita geração média de 2 mil empregos, diretos e indiretos, e atrai cerca de 10 mil turistas para Corumbá. A festa corumbaense é única no Brasil, são mais de 100 famílias de festeiros que descem para banhar a imagem do santo nas águas do rio Paraguai.

Este ano, o Arraial do Banho de São João terá como atrações nacionais a dupla Thaeme & Thiago, que se apresenta na sexta-feira, dia 21, e o grupo Bonde do Forró no domingo, 23 de junho. A programação ainda traz os tradicionais Concurso de Andores, no dia 21, a partir das 19 horas, e Concurso de Quadrilhas Juninas no sábado, 22, com início às 18h15. Nos três dias, o perímetro da festa — ao longo da rua Manoel Cavassa — contará com Praça de Alimentação; Estande de Artesanato; Altar de Todos os Santos e Pau de Sebo.

O Arraial do Banho de São João 2024 – “A Fé do Nosso Povo é Patrimônio do Brasil” é uma realização da Prefeitura de Corumbá, por meio da Fundação da Cultura e do Patrimônio Histórico Corumbá. O evento tem apoio do Governo do Estado por meio da Secretaria de Estado de Turismo, Esporte, Cultura (SETESC), através da Fundação de Cultura do Mato Grosso do Sul (FCMS) e patrocínio da empresa 67 Internet.

Por Assessoria de Comunicação Institucional

Sair da versão mobile