Prefeito pede apoio de deputada federal para fechar fronteira com a Bolívia

Desde o dia 18 de março, somente brasileiros que comprovadamente residem na Bolívia conseguem atravessar a barreira montada pelo Exército boliviano na fronteira entre Corumbá e Puerto Quijarro. A travessia só pode ser feita a pé, sem o uso de automóveis.
Entretanto, o bloqueio não serve no sentido contrário. Veículos bolivianos continuam entrando normalmente em Corumbá, inclusive ambulâncias com pacientes de cidades distantes da linha fronteiriça.

O fluxo não mudou nem mesmo depois da Portaria 125, publicada no último dia 19 e assinada pelos ministros Walter Souza Braga Netto, Sérgio Fernando Moro e Luiz Henrique Mandetta. O documento impõe restrição excepcional e temporária de entrada no País, mas não detalha a forma como isso seria feito.

Para evitar a possibilidade de estrangeiros com o Novo Coronavírus chegarem a região pela fronteira, o prefeito Marcelo Iunes solicitou o apoio da deputada federal Bia Cavassa. “São ações que não dependem da Prefeitura, mas sim do Governo Federal”, afirmou o chefe do Executivo municipal.

“Não estamos negando atendimento aos bolivianos, só precisamos trabalhar para evitar a circulação do vírus aqui e para que não haja uma sobrecarga do nosso Sistema de Saúde, que também atende os ladarenses. Estamos buscando que a forma de agir na fronteira seja a mesma nos dois lados, o que hoje não está acontecendo”, reforçou o prefeito.

“Também aproveitamos o encontro para solicitar o apoio da deputada Bia Cavassa em outras questões relacionadas a essa pandemia do novo Coronavírus. Estamos tomando todas as medidas possíveis, mas vamos sim precisar da ajuda de todos os Poderes para que essa doença não provoque aqui as mortes que estão sendo registradas em todo o Mundo”, completou Marcelo Iunes.

24°C

Corumbá

Mostly Cloudy

Humidity 89%

Wind 6.44 km/h

  • 05 Oct 201831°C22°C
  • 06 Oct 201832°C22°C